A VIDA (DE UMA STARTUP) COMEÇA AOS 40

A VIDA (DE UMA STARTUP) COMEÇA AOS 40

Pense em na equipe de uma startup. O que vem a sua mente?

Melhor, pense apenas no fundador, qual a imagem que vem na sua mente?

Na foto, temos os fundadores das 5 empresas mais valiosas do mercado em 2017. Na ordem e idade que tinham quando fundaram suas empresas:

  1. Amazon – Jeff Bezos (40 anos)
  2. Apple – Steve Jobs (21 anos)
  3. Google – Larry Page (25 anos) e Sergey Brin (25 anos)
  4. Samsung – Lee Bynung-chul (28 anos)
  5. Facebook – Mark Zuckerberg (19 anos)

Tirando o topo da lista temos uma tendência clara a nomes mais jovens. A figura clássica de algum gênio que inventa na faculdade ou antes disso um produto incrível que revoluciona o mercado.

Mas será que é assim de verdade?

Dois estudos tentaram trazer dados para a discussão. um do MIT, estudo sobre as startups e a idade dos fundadores e suas consequências. Outro realizado pelo ITIF – Information Technology and Innovation Foundation, sobre o perfil da inovação nos Estados Unidos.

E o que eles descobriram?

A idade média do empreendedor de startups americano gira em torno dos 40 anos. Além disso, o gráfico vermelho mostra com são distribuídos os fundadores das empresas que mais crescem, ou seja, aquelas que deram certo. A média de idade aumenta e o pico ocorre por volta dos 45 anos.

O estudo vai além e olha como a idade dos fundadores interfere na probabilidade de saída da startup, ou seja, na probabilidade da sua venda ou de uma oferta pública de ações na bolsa (IPO).

Novamente a taxa de sucesso em saídas ocorre em idades mais avançadas.

O segundo estudo, fala de inovadores. Algo diferente de empreendedores e fundadores de empresas mas intimamente ligado.

É de se esperar que as novas gerações cheguem com novas ideias e dominem o cenário, mas novamente vemos o contrário. Segundo a metodologia usada, a idade média dos inovadores é de 47 anos.

Mas por que isso acontece?

Bem, é nessa hora que os dados terminam e começam as minhas especulações.

Pela experiência da Tropos Lab acelerando startups ao longo dos últimos anos já conseguimos perceber alguns padrões que ajudam a responder essa pergunta:

  • Programas de aceleração e ideação se enchem de jovens de até 25 anos. Muitos ainda na faculdade ou recém formados. Porque? Simples, a comunicação chega neles mais fácil, eles possuem mais tempo e ter uma startup hoje em dia é cool (startups são as novas bandas de rock).
  • Empreender não é algo fácil, muitas vezes ao ver o lado ruim de empreender (pouco dinheiro, muita responsabilidade, etc) os mais jovens decidem voltar ou iniciar no mercado de trabalho em uma empresa já consolidada.
  • Vender é a maior dificuldade de qualquer empresa e isso fica muito mais fácil quando você já tem uma rede profissional formada na área. Adivinha quem possui uma rede mais consolidada?
  • Produtos realmente inovadores que geram barreiras de entrada para os concorrentes vem de anos de trabalho, de pesquisa e, raramente, de momentos de genialidade.
  • Empreendedores mais experientes já possuem responsabilidades financeiras na sua vida pessoal (casa, filhos, conjugues, etc) e por isso, tendem a ter uma visão de negócio e crescimento mais consolidada.

Portanto, não ache que é tarde demais para começar a empreender, na verdade, hoje você provavelmente tem mais chance de dar certo do que 10 anos atrás.

Ahh, a foto da capa do post?

Stan Lee, criador do universo Marvel, conseguiu seu primeiro sucesso aos 39 anos com o Quarteto Fantástico.

Gostou do post? Quer saber mais sobre os nossos programas?

Acesse http://bizcool.com.br/

By | 2018-05-08T11:02:08+00:00 Maio 8th, 2018|Sem categoria|